Jorge Viana não descarta a possibilidade de disputar o governo do Acre em 2022

Jorge Viana não descarta a possibilidade de disputar o governo do Acre em 2022

Jorge Viana não descarta a possibilidade de disputar o governo do Acre em 2022
Jorge Viana não descarta a possibilidade de disputar o governo do Acre em 2022

“Vou disputar a eleição majoritária. A princípio o Senado, mas tem muita gente pedindo para eu disputar o governo”.

A declaração foi feita no programa Sorriso Show, comandado pelo radialista Sorriso, na rádio Dimensão FM de Sena Madureira, na manhã desta quinta-feira (17).

O movimento “Volta Jorge”vem crescendo na proporção em que aumenta a falta de esperança de melhores condições de vida para parcela expressiva da população.

Ex-prefeito de Rio Branco por dois mandatos, ex-governador do Acre também por dois mandatos e ex-senador, Jorge Viana (PT), analisou o resultado da eleição de 2018: “Na última eleição o povo estava chateado, queria uma mudança a qualquer preço. Votou com raiva e a raiva não é boa conselheira”.

Em 2018, Gladson Cameli (PP), foi eleito no primeiro turno com 53,71% dos votos. Jair Bolsonaro obteve mais de 70% dos votos dos acreanos no segundo turno. Na capital Rio Branco, Bolsonaro obteve 82,77% dos votos.

O grupo vitorioso tinha tudo. Governo, presidência, os três senadores, 7 dos 8 deputados federais e 20 dos 24 deputados estaduais: “Ganharam tudo e começaram uma briga danada. Reino desunido não prospera”. (análise do PT. Veja Aqui)

O ex-governador destacou as dificuldades de sobrevivência da população com os preços e o desemprego aumentando a cada dia em meio a uma pandemia sem acesso a imunização geral para conte-la. O Acre figura como um dos estados que menos vacinou (Leia Aqui )

“Acredito que nas próximas eleições as pessoas vão votar pela segurança, em alguém que tenha experiência e ajude a sair dessa tempestade…no meio de uma tempestade se busca os experientes”.

O ex-senador destacou ainda que as pessoas não estão mais presas a partidos, focam muito mais nos líderes políticos o que não poderia ser diferente num país que ao contrário das democracias fortes tem mais de 30 partidos e declarou que o político radical é Jair Bolsonaro e não Lula. Para comprovar a ideia, destacou que no governo Lula as invasões de terras foram evitadas sem conflitos enquanto no governo Bolsonaro se vê o exército dentro de propriedades como aconteceu na fazenda de Jorge Moura (Veja Aqui )

“Isso não pode acontecer nem com o grande, nem com o pequeno. Radicalidade não é bom para ninguém. Não quero do meu lado ninguém radical”. Jorge Viana destacou ainda que durante os governos petistas, a energia elétrica foi levada à zona rural  enquanto atualmente o que fizeram foi só aumentar os preços de um modo geral.

Márcio Bittar diz que sou o político mais competente do Acre

O senador Márcio Bittar (MDB), tem dito que não medirá esforços para evitar que Jorge Viana volte a ocupar cargos políticos. De acordo com Jorge Viana, o discurso público é diferente da manifestação pessoal: “Quando me encontra diz que sou o político mais competente do Acre”. O ex-governador criticou o esforço de Márcio Bittar para eleger a ex-esposa: “Quer tudo. Quem muito quer pode terminar sem nada. Ele foi relator do orçamento e destinou milhões para municípios de Goiás. Goiás não precisa de 4 senadores” Leia Mais

Movimentação

Os partidos de Esquerda e centro-Esquerda no Acre já fizeram uma primeira reunião oficial com vistas à eleição de 2022. PT, PCdoB, PSB, PSOL e PV, colocam à disposição, nomes como Jenilson Leite (PSB) e Sanderson Moura (PSOL), além de Jorge Viana para a disputa majoritária e Jorge vai começar a andar pelo estado enquanto nas redes sociais a militância começa a campanha “Volta Jorge”, com destaque para as marcas deixadas pela administração do petista. “Vamos trabalhar para trazer de volta o que o povo precisa- empregos, auxílio para que as pessoas possam comer, linhas de crédito e ramais para o produtor rural. Buscar soluções”.

 

Foto- O Alto Acre

 

 

 

 

 

Comente no Acre in foco usando sua conta no Facebook

Veja também

”O Brasil está abandonado”, diz Leo de Brito em discurso na Câmara dos Deputados

”O Brasil está abandonado”, diz Leo de Brito em discurso na Câmara dos Deputados

Share on Twitter Share on Facebook Share on LinkedIn Share on Email Share on WhatsApp …

perpetua

Perpétua integra Frente Parlamentar de Apoio aos Trabalhadores Informais, Camelôs e Ambulantes

Share on Twitter Share on Facebook Share on LinkedIn Share on Email Share on WhatsApp …

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Follow us on Social Media